A COBRANÇA PELO USO DA ÁGUA COMO INSTRUMENTO ECONÔMICO DA POLÍTICA AMBIENTAL

Também disponível em Deutsch

Este livro apresenta instrumentos baseados no mercado ou econômicos na política ambiental e, principalmente, a tributação ambiental, que visam à internalização dos custos externos resultantes do uso excessivo dos recursos naturais, ou melhor o repasse destes custos a seus causadores. Fala-se, neste contexto, da implementação do princípio usuário-pagador ou princípio poluidor-pagador. Este princípio apresenta-se não apenas como justo, como também oferece aos gestores ambientais uma valiosa ferramenta no norteamento do comportamento dos usuários do meio ambiente.

publicado

Brasilien, 1 de Dezembro de 2007