Como fomentar práticas econômicas mais sustentáveis nas cidades brasileiras?

Encontro Regional do CB27 no Centro-Oeste

Também disponível em Deutsch

Quais são os desafios ambientais que as capitais da região centro-oeste enfrentam? Como defender as cabeceiras do Pantanal? E como criar empregos no âmbito do desenvolvimento sustentável? Esses foram alguns dos pontos debatidos pelos secretários de meio ambiente das capitais brasileiras durante o 16° Encontro Regional do CB27 em Cuiabá, no centro-oeste do Brasil.

Imagem 1 de 11
CB27 Cuiabá

Participantes do 16° Encontro Regional de Cuiabá

A Região Centro-Oeste do Brasil apresenta um relevo marcado por planaltos, chapadões e depressões, ocupado por bacias hidrográficas importantes. É caracterizada por grandes propriedades rurais e por extensas áreas ainda não ocupadas, sua economia é baseada especialmente em pecuária extensiva, agricultura e extrativismo. Formada pelos estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e o Distrito Federal, a região abriga uma das mais fascinantes paisagens brasileiras, o Pantanal, imensa planície alagável, com rica diversidade de fauna e um mosaico de formações vegetais. Em Cuiabá, especificamente, além do Pantanal encontramos também floresta amazônica e cerrado, portanto a capital do Mato Grosso possui uma característica única de possuir três biomas em seu território. O propósito do 16° Encontro Regional do CB27 foi abordar exatamente as questões importantes para a gestão ambiental dessa especial região brasileira.

O CB27 (Capitais Brasileiras 27) é o fórum de secretários de meio ambiente das capitais brasileiras e do distrito federal. Esse fórum permite a troca de experiências sobre projetos de gestão ambiental frente a mudanças climáticas no âmbito das cidades, aproveitando as boas práticas de todas as capitais. O CB27 foi fundando durante a Conferência das Nações Unidas pelo Desenvolvimento sustentável no ano de 2012 (Rio+20) pelo secretário de meio ambiente do Rio de Janeiro, Carlos Alberto Muniz. Após um rico encontro regional norte em Rio Branco, capital do Acre, o Centro-oeste recebe mais uma discussão fundamental entre gestores ambientais. Os encontros regionais contam com discussões mais específicas sobre os desafios ambientais das regiões na quais as reuniões são realizadas.

O encontro da região centro-oeste ocorreu no Centro Sebrae de Sustentabilidade, a unidade de referência nacional do Sebrae sobre o tema da sustentabilidade. Inaugurado em 2010, promove a geração e disseminação de conhecimentos em sustentabilidade aplicada aos pequenos negócios. O papel do centro é mapear inovações, técnicas e práticas sustentáveis no Brasil e no mundo, formular conteúdos exclusivos e mostrar aos empresários que é possível ser mais rentável, reduzindo impactos no meio ambiente e contribuindo para um desenvolvimento social mais justo. Logo o centro fez parte de uma das primeiras exposições do encontro, que demonstrou os novos conceitos de construção utilizados no desenvolvimento da instalação. ICLEI e CDP, parceiros de longa data do CB27, apresentaram ferramentas de capacitação que podem ser utilizadas pelas cidades, em especial as equipes de gestão ambiental, tais como capacitações e webinars gratuitos. O secretário de meio ambiente e desenvolvimento Urbano de Cuiabá, Alan Porto, expôs como a utilização de um sistema de gestão online mais moderno contribui para um aumento de 49% do licenciamento na Cidade. Além dele, os secretários da região centro-oeste também apresentaram os projetos ambientais que vem sendo realizados em suas capitais. Para completar as discussões de inspiração prática, os secretários visitaram o Parque noturno Tia Nair e o Projeto Porto Cuiabá.

Como as cidades no centro-oeste do pais enfrentam desafios muito similares, a troca de experiências (que mesmo durante um encontro regional não atinge somente a região anfitriã), continua inspirando a implementação de projetos já existentes em outras cidades - seja na área de planos de coleta seletiva, combate as queimadas, saneamento básico, e educação ambiental da população. O encontro de Cuiabá também se destacou pela discussão sobre os resultados do CB27 nos últimos anos e o quais são as expectativas do secretários em relação ao futuro do fórum. Para os participantes ficou claro a importância do fortalecimento da rede de secretários de meio ambiente das capitais brasileiras, em especial no momento político de transição com a chegada das eleições municipais de outubro de 2016. O intercâmbio de conhecimento se torna uma ferramenta ainda mais importante no desenvolvimento da gestão ambiental dessas cidades: É fundamental que haja organização para que os secretários que participam do fórum no presente momento organizem relatórios e informes sobre o CB27 para os futuros secretários de meio ambiente que assumirem o cargo em janeiro de 2017.

Autor

Marina Caetano

Série

Contribuições aos eventos

publicado

Brasilien, 8 de Agosto de 2016

Contacto

Marina Caetano

Coordenadora de Projetos de Descentralização e Desenvolvimento Sustentável

Marina Caetano
Tel. +55 21 2220-5441
Fax +55 21 2220-5448
Idiomas: Português,‎ English,‎ Français,‎ Deutsch,‎ Español